Sobre o Caniçal

Segundo a historiografia tradicional, a origem do topónimo Caniçal advém do nome da planta conhecida por carriço ou caniço. A fundação da paróquia remonta a 1569, tendo a freguesia sido elevada à categoria de Vila em 1994.

A Vila do Caniçal situa-se no extremo Leste da ilha, entre Machico e a Ponta de São Lourenço, sendo a freguesia da Madeira com maior linha de costa. A povoação instalou-se de início junto ao mar e, posteriormente, encostas acima à medida que a sua população foi crescendo e a urbanização se expandindo.

A povoação do Caniçal esteve isolada pelas montanhas que a separam de Machico até ao final da década de cinquenta, obrigando a que toda a comunicação fosse feita por mar ou por veredas de difícil acesso. Só em 1959 com a abertura do túnel Eng. Nasoloni, o Caniçal passou a contar com um acesso mais facilitado ao resto da ilha. Esta povoação goza, atualmente, de excelentes acessibilidades, já que beneficia de boas ligações viárias através da antiga estrada regional 101 e da Via Rápida, desde o ano de 2004. Fica assim, em termos de distância – tempo, a trinta minutos do Funchal.

A caça às baleias, introduzida por açorianos na década de 40 do século XX, demonstrou ao longo dos cerca de 50 anos em que ocorreu, a fibra e bravura das pessoas do Caniçal.