Áreas problemáticas

Entre os obstáculos mais persistentes e recorrentes diagnosticados em 2017/2018 destacam-se os seguintes:

  • Insucesso Escolar;
  • Indisciplina e absentismo;
  • Ambiente social e familiar dos alunos e acompanhamento dos educandos;
  • Desinteresse dos alunos nas atividades escolares;
  • Complexidade dos procedimentos e burocracia encontrados no processo de monitorização e avaliação.

Decorrentes das alterações legislativas que se impõem neste novo quadriénio, destacam-se as seguintes problemáticas que requerem a nossa atenção:

  • Fomento da flexibilidade curricular presente no novo currículo (2018);
  • Implementação das normas do Regulamento Geral de Proteção de Dados (2018)